Adenízia é um dos destaques do Brasil na estreia com vitória sobre a República Dominicana

A seleção brasileira feminina de vôlei começou com vitória a temporada 2017. Nesta terça-feira (30.05) diante de 3.107 apaixonados torcedores, a equipe do treinador José Roberto Guimarães venceu, de virada, a República Dominicana em jogo amistoso por 3 sets a 1 (21/25, 25/20, 25/19 e 25/21), em 1h50 de partida, na Arena Amadeu Teixeira, em Manaus (AM). A partida é preparatória para os desafios das brasileiras na temporada: Montreux Volley Masters, Grand Prix, Sul-Americano e Copa dos Campeões.

O Brasil voltará á quadra contra a República Dominicana às 21h30 (Horário de Brasília) desta quinta-feira (01.06) na Arena Guilherme Paraense, em Belém (PA). A partida terá transmissão ao vivo da RedeTV e do SporTV.

A campeã olímpica Tandara se destacou no confronto e terminou a partida como a maior pontuadora, com 18 acertos. A central Adenízia também pontuou bem, com 13 acertos. As ponteiras Natália e Drussyla e a central Carol marcaram 10 pontos cada. Pelo lado da República Dominicana, a atacante Peña foi a maior pontuadora, com 13 acertos.

Ao final do duelo, a ponteira Natália, que disputou sua primeira partida como capitã da seleção brasileira, comentou sobre o resultado e a atuação do time verde e amarelo.

“Foi um jogo importante para sabermos como vamos nos comportar daqui para frente. Sabemos que ainda temos muito o que melhorar. Estamos com essa equipe completa há pouco mais de uma semana e aos poucos vamos formando um bom grupo. O resultado de hoje mostra que estamos no caminho certo”, disse Natália.

A também ponteira Drussyla, que fez sua estreia na seleção adulta, agradeceu o apoio das companheiras ao longo dos treinamentos e na partida contra a República Dominicana.

“Antes da partida estava sentindo um pouco de frio na barriga, mas procurei ficar calma e tentei somente fazer um bom jogo. Essa foi o primeiro jogo do Brasil depois dos Jogos Olímpicos e é natural que ainda oscilamos em alguns momentos. Estou me sentindo confortável com as jogadoras e todas estão me recebendo muito bem”, garantiu Drussyla.

O treinador José Roberto Guimarães fez uma análise da atuação do time verde e amarelo.

“A partir do segundo set conseguimos fazer um jogo mais simples e entender um pouco mais a partida, Acredito que a cada dia vamos jogar e nos sincronizar melhor. Analisando a partida como um todo gostei dos últimos três sets. Tivemos pouco tempo de preparação até esses amistosos e vamos evoluir daqui para frente. O nosso saque funcinou depois do primeiro set e isso fez o nosso jogo fluir mais”, analisou José Roberto Guimarães.

Depois dos dois amistosos contra a República Dominicana, a seleção brasileira feminina de vôlei embarcará para Suíça onde disputar o torneio de Montreux de seis a 11 de junho.

O JOGO

A partida começou equilibrada. Com um ace da ponteira Natália, o Brasil abriu dois pontos (12/10). A República Dominicana cresceu de produção e virou o marcador (17/15). Neste momento, o treinador José Roberto Guimarães pediu tempo. Bem no saque, as caribenhas aumentaram a vantagem para seis pontos (21/15). A equipe do treinador Marcos Kwiek se manteve na frente até a final da parcial e venceu o primeiro set por 25/21.

O Brasil voltou melhor para o segundo set e fez 4/2. E foi com um ace da central Adenízia que as brasileiras aumentaram a vantagem no placar para três pontos (6/3). Bem no bloqueio e no saque, o time da casa abriu cinco pontos (19/14). O Brasil dominou a parcial até o final e venceu o segundo set por 25/20 com um contra-ataque da oposta Fernanda Tomé.

Depois de um longo rally que levantou a torcida, o Brasil fez 3/2 no início do terceiro set. A parcial ficou disputada ponto a ponto. Com um ace da ponteira Drussyla, o time verde e amarelo abriu dois pontos (8/6). Bem no bloqueio, o time do treinador José Roberto Guimarães aumentou a vantagem para quatro pontos (13/9). O saque das brasileiras dificultava a recepção das caribenhas e o Brasil fez 19/12. O time verde e amarelo dominou a parcial até o final e venceu o terceiro set por 25/19.

O Brasil seguiu melhor no início do quarto set e fez 6/4. Com um ace da oposta Tandara, a equipe verde e amarela manteve a vantagem (12/10). Tandara também se destacava no ataque e o time verde e amarelo fez 17/15. As brasileiras seguraram uma reação da República Dominicana e venceram o quarto set por 25/21 e o jogo por 3 sets a 1.

EQUIPES:

Brasil – Roberta, Tandara, Natália, Drussyla, Adenízia e Carol. Líbero – Suelen
Entraram – Naiane, Fernanda Tomé, Amanda, Edinara e Rosamaria
Técnico – José Roberto Guimarães

República Dominicana – Marte, Martinez, Peña, Rodriguez, Valdez e Martinez J. Líbero – Binet
Entraram – Fersola, Dominguez, Peralta, Moreno e Gonzalez
Técnico – Marcos Kwiek

Texto: CBV

Foto: Michael Dantas/MPIX/CBV

31 de maio de 2017